domingo, 18 de outubro de 2009

Eu preciso do Hoje

Preciso...
De um tempo para chorar, de um tempo para sorrir;
De algo que me faça sonhar, mas também de certos limites pra não voar demais e cair.


Preciso de todo o tempo existente para falar e louvar as dádivas de Deus.
Pode ser que nem seja tanto tempo assim, preciso apenas do hoje.
Do presente que na realidade nunca está ausente,
Que nunca passa nem está à frente de mim.
Preciso apenas deste dia... O hoje. Para olhar a vida e saber como são incontáveis os motivos que tenho para agradecer a Deus.


O presente que cabe a cada um de formas diferentes, às vezes trazendo consigo o cheiro da chuva, e o calor do Sol pela manhã, o som do silêncio e o som da paz no coração.
Mas às vezes o “hoje” também vem carregado de tristezas, decepções e também de uma grande lição.
Uma lição que deve ser aprendida, mesmo que para isso muitas lágrimas precisem ser perdidas.


Preciso do hoje para ver o nascer e o pôr do Sol, para ver a beleza do céu,e para ouvir a voz das pessoas que amo.
Mesmo que elas venham sobrecarregadas de tristezas, preciso delas para fazê-las rir.


Preciso de bons e amigos ouvidos dispostos a me ouvir.
Para que possam compreender, ou apenas escutar qualquer coisa que esteja presa em meu coração.

Preciso também de algum silêncio e um pouco de solidão, para quando precisar pensar, para quando precisar fugir.
Fugir de qualquer dor, de qualquer cansaço, ou mesmo das tristes realidades da vida que insistem em nos alcançar.
Preciso mesmo é de um passaporte mágico que me leve aos lugares mais belos e inacreditáveis que só em nossos melhores sonhos podemos estar.

Preciso do hoje para alcançar toda a sabedoria que estiver ao meu redor, e também para transmiti-las.
Pode não ser da mesma forma que aprendi, mas ainda assim será sabedoria.


Preciso do hoje para não viver em função de planos futuros.
Para agradecer a Deus pelo presente que é dado a cada um de nós a todo o momento, o “hoje”.
Que o “hoje” seja mais uma das muitas e muitas oportunidades de louvar e amar a Deus por suas incontáveis maravilhas, e por suas bênçãos oferecidas hoje e sempre.

(Alessandra Almeida)

6 comentários:

Gin Ryuu disse...

Oi Sakura-cham, gostei muito da sua poesia, espero ler muitas delas.

Tenha uma ótima semana, que Deus esteje sempre contigo, bjs,t+.

Alessandra Almeida disse...

Olá Zé, pode ter certeza q vai ler sim, fico mtooo feliz por saber q vc tem um blog ;D
mto obrigado por sua visita e seu cometário.
Fica com Deus
Bjos.

jefhcardoso disse...

Olá! Com licença; deixe que me apresente: sou Jeferson, um homem comum que gosta de escrever. Quando tenho um tempo saio vadio em visitas a blogs, seguindo a seta que aparece no auto da pagina inicial (próximo blog>>). Posso afirmar que é uma experiência “deliciante”. Tenho a secreta pretensão de fazer um milhão de amigos, mas shiiiuuu!!!

Alessandra, bonito isso! Pareceu-me que você é luz na vida dos seus e sabe disso. Belo texto; uma leitura extremamente agradável, profunda, simples e cheia de verdades essenciais. Belas fotos também. Parabéns, parabéns!

Quando encontro um blog bem legal eu posto um comentário e deixo o convite para que conheçam o http:jefhcardoso.blogspot.com/ . Pela proposta deste blog creio que poderá encontrar algo em minha sessão em preto e branco, que data de novembro.

Parabéns aos colaboradores deste blog e desculpe a intromissão.
Abraço: Jefhcardoso.

Alessandra Almeida disse...

Olá Jeferson,muito obrigado por sua visita,vc é mto bem vindo ao meu blog quando quiser.
e pode ter certeza q vou dar uma olhadinha no seu blog.
Comentários como o seu fazem toda a diferença para mim.
Um abraço.

非凡 disse...

I'm appreciate your writing skill.Please keep on working hard.^^

Francisco Batista disse...

Gostei muito da poesia. É simples, maravilhosa. espero que você continue assim.

Francisco Batista